Apresentação

A Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública (BAHIANA) é uma instituição de Direito Privado, sem fins lucrativos, dedicada ao ensino superior de cursos na área da saúde. Tem como missão ser uma instituição de ensino vocacionada para a área da saúde, formando profissionais qualificados com base em princípios e valores éticos e humanísticos, em uma perspectiva individualizada e transdisciplinar. Demonstra sua responsabilidade social, contribuindo para o desenvolvimento sociocultural e ambiental, buscando atender às demandas da sociedade, a partir de ações diferenciadas de ensino, pesquisa e extensão.

Com uma sólida história de 59 anos de ensino e pesquisa na área de saúde, congrega cursos de graduação em Biomedicina, Enfermagem, Fisioterapia, Medicina, Odontologia, Psicologia, e Terapia Ocupacional. Possui inserção nas comunidades através de prestação de serviços extensionistas, com cerca de 2.000 atendimentos por dia que ocorrem nos seus ambulatórios próprios nas Unidades Acadêmicas de Brotas, Nazaré e Cabula, nos PSFs e CAPs do Sistema Único de Saúde da cidade de Salvador e em hospitais, sendo um próprio (Hospital Humberto de Castro Lima), um Escola conveniado (Hospital Santa Izabel) e na rede de hospitais públicos e privados de Salvador através de acordos de cooperação e estágios.

Em 2000, criou seu primeiro curso stricto sensu (Mestrado e Doutorado em Medicina) e o Programa de Iniciação Científica, ampliando assim, a formação do profissional de saúde para o nível de pesquisador, contribuindo com a produção científica brasileira pautada em soluções para os problemas que afetam a saúde dos baianos. Neste mesmo ano foi criada a Primeira Mostra Científica e Cultural da BAHIANA (MCC I). Desde então mantém um grande evento anual com participação de aproximadamente 2.000 pessoas, onde são apresentados aproximadamente 300 trabalhos científicos e envolvem a Jornada do Programa de Iniciação Científica, minicursos, atividades com as comunidades e todo o corpo docente e discente institucional. Em sua XI edição, iniciamos um novo evento vinculado que certamente constituirá mais uma ação sistemática de apoio ao desenvolvimento da pesquisa institucional, o I Fórum de Pesquisadores da BAHIANA, para a troca de informações e experiências entre os pesquisadores dos grupos de pesquisa cadastrados no CNPq e credenciados pela BAHIANA.

O objetivo das MCCs é desenvolver sistematicamente apresentações, discussões e avaliações de trabalhos, estimulando o desenvolvimento do espírito científico e cultural, socializando e promovendo ações extensionistas, construindo novos significados para o processo ensino-aprendizagem e desenvolvendo ações de promoção da saúde voltadas para as necessidades da comunidade de forma a cumprir com a responsabilidade socioambiental.

Neste momento, estamos na sua décima primeira edição e para comemorar o sucesso desta ação institucional, desenvolvemos o segundo volume dos Anais das MCCs, agora uma publicação sistemática anual indexada que possa socializar seus produtos científicos com a comunidade acadêmica e leiga (interna e externa) através do site da BAHIANA.

Desejamos um grande sucesso para mais esse empreendimento!

Maria Luisa Carvalho Soliani
Coordenadora Geral da FBDC e Diretora da BAHIANA

Katia Nunes Sá
Coordenadora Comissão Científica da MCC XI

Maria Angélica Mendes
Coordenadora da Comissão Organizadora da MCC XI

Anais da MCC., Salvador, v.1, n.3, setembro. 2012, ISSN

Av. Dom João VI, 274 - Brotas - CEP: 40285-001
Salvador/Ba Tel: 2101-1900 Fax: 3356-1936
http://www.bahiana.edu.br