HERÓIS DA SAÚDE NA BAHIA - EVOLUÇÃO E DIVERSIDADE DO CONHECIMENTO SOBRE A SAÚDE HUMANA NA BAHIA

Autor(es): Tania Kobler Brazil; Sandra Dutra Cabral Portela; Luciana Lyra Casais e Silva

Trata-se de um conjunto de ações que visam ao resgate da memória de personalidades que contribuíram para a saúde humana na Bahia (Edital Fapesb Nº 009_2009–Popularização da Ciência e Tecnologia). O estado da Bahia, mais especificamente a cidade de Salvador, constituiu-se no primeiro centro de construção do conhecimento científico na área da saúde. Aqui foi sediada a primeira escola superior de medicina, publicados os primeiros trabalhos biomédicos, estruturado o primeiro grupo de pesquisa em medicina experimental na chamada “Escola Tropicalista da Bahia”, na segunda metade do século XIX. Muitos têm seus nomes ligados a estabelecimentos públicos, como praças, ruas, hospitais, escolas, mas, de uma maneira geral, desconhecese qual a razão dessa homenagem, o que motivou esse projeto. A construção do conhecimento sobre os “heróis” e “heroínas” está sendo realizada através de revisão sistemática da literatura correspondente, identificando, selecionando e avaliando criticamente os dados coletados. Foram selecionados os “heróis” da Escola Tropicalista da Bahia: John Paterson (1820-1882), Otto Wucherer (1820-1875) e José Francisco de Silva Lima (1826-1910). As “heroínas cuidadoras”: Ana Nery (1814-1880) e Irmã Dulce (1914-1992). Os heróis desbravadores: Nina Rodrigues (1862-1906), Gonçalo Moniz (1870-1939), Pirajá da Silva (1873-1961), Juliano Moreira (1873-1932), Martagão Gesteira (1884-1954). Os heróis contemporâneos: José Silveira (1904- 1994) e Zilton Andrade (1924- ...). A maioria deles foi formada pela Faculdade de Medicina da Bahia-FAMEB (por quase sete décadas, a única instituição de nível superior no país) e desenvolveu na Bahia suas ações heróicas, num período em que o país carecia de suporte para o entendimento das doenças, principalmente as infecto-contagiosas (Século XIX). Foram envolvidos até o momento 5 docentes (BAHIANA, UFBA) e 5 estudantes (bolsistas Fapesb).

Palavras-chave: história da saúde. bahia. popularização.

voltar
Anais da MCC., Salvador, v.1, n.3, setembro. 2012, ISSN

Av. Dom João VI, 274 - Brotas - CEP: 40285-001
Salvador/Ba Tel: 2101-1900 Fax: 3356-1936
http://www.bahiana.edu.br