ASPECTOS PSICOLÓGICOS DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES DURANTE E APÓS O TRATAMENTO DE CÂNCER

Autor(es): Amanda Steurer Brandi; Gardênia Ingrid Leal de Sá Marques Santos;Jéssica Barbosa Mendes Capirunga; Juliana Rocha; Laiane Araújo; Ana Márcia Mendes

A criança/adolescente com câncer atravessa uma jornada de intenso sofrimento. É necessário atenção para o setor psicológico do paciente que, apesar de ficar muito abalado, quando são oferecidas as condições necessárias é um bom aliado à cura. O objetivo deste artigo é reunir os achados da literatura de ciências de saúde sobre os aspectos psicológicos da criança/adolescente durante e após o tratamento do câncer. Metodologia: Foi feita uma revisão literária, em que os artigos foram selecionados na base de dados Lilacs e Scielo. Para a busca foram utilizadas as palavras-chave criança, câncer, adolescente, tratamento e psicológico. Os dez textos selecionados foram fichados e minuciosamente analisados. Os resultados desse estudo indicam que há alterações na estrutura familiar; o paciente sente falta de sua velha rotina , de seu lar, de seus amigos e de seus brinquedos; a criança/adolescente tem uma brusca mudança no setor psicológico relacionada à ansiedade, sentimento de solidão, anorexia, depressão, perda de memória; e alterações físicas (principalmente as alterações da autoimagem) que podem ser associadas aos efeitos colaterais dos medicamentos. Outros sintomas como impotência, sentimento de dependência e ciúme dos irmãos sadios também foram relatados. Algumas manifestações clínicas como náuseas, vômitos, desnutrição, mucosite no trato gastrointestinal, imunossupressão, alterações no paladar e dores na barriga foram relatados por crianças/ adolescentes no início do tratamento. Conclui-se que o momento do diagnóstico é muito difícil e o início do tratamento é marcado por grande ansiedade e medo da morte. A presença da mãe tem papel essencial durante o tratamento. Ao término do tratamento, há um sentimento de alívio relacionado a preocupações com a nova condição física do paciente diante das sequelas. Compreender os aspectos psicológicos do paciente favorece uma boa assistência de saúde.

Palavras-chave: criança. câncer. adolescente. tratamento. psicológico.

voltar
Anais da MCC., Salvador, v.1, n.3, setembro. 2012, ISSN

Av. Dom João VI, 274 - Brotas - CEP: 40285-001
Salvador/Ba Tel: 2101-1900 Fax: 3356-1936
http://www.bahiana.edu.br