BIOINTERVENÇÃO EM ALERGIA RESPIRATÓRIA ATRAVÉS DO USO DE CÉLULAS DENDRÍTICAS TOLEROGÊNICAS

Autor(es): Fábio Henrique Brasil da Costa

Recentemente, a indução de tolerância imunológica se tornou um alvo essencial para estratégias de prevenção e tratamentos para diversas doenças, nas quais a desregulação do sistema imune desempenha um papel crucial, como as alergias. A relevância da produção de um protocolo capaz de inibir o desenvolvimento ou reduzir os sinais e sintomas da alergia respiratória a ácaros da poeira doméstica se torna cada vez mais evidente, visto que os tratamentos atuais para enfermidades alérgicas são sintomáticos, envolvendo uso de medicamentos geralmente caros e com efeitos colaterais, e/ou depende de afastamento, nem sempre possível, do alérgeno. Células dentríticas (CDs) são células apresentadoras de antígenos profissionais que possuem uma capacidade única de iniciar respostas imunes primárias, incluindo respostas tolerogênicas. A adição de agentes farmacológicos na cultura de células dendríticas como, drogas imunossupressoras (corticoides) e citocinas como IL-10 e TGF-ß inibe o amadurecimento das células dendríticas, promovendo sua tolerogenicidade. Através do uso da droga dexametasona (DEXA), deseja-se induzir um estado de semi-amadurecimento (tolerogênico) em CDs derivadas da medula óssea de camundongos, para que estas adquiram perfil imunossupressor. A habilidade dessas células de inibir ou reduzir sintomas da alergia respiratória será avaliada em modelo experimental de alergia induzido através do uso de extratos do ácaro Blomia tropicalis, um dos mais comuns presentes na poeira doméstica. A incidência de doenças alérgicas, assim como a gravidade dos seus sintomas, vem aumentando e estima-se que no Brasil, a prevalência de alérgicos a ácaros da poeira doméstica, em jovens, seja extremamente alta. Torna-se, então, fundamental o desenvolvimento de novas terapias e tratamentos para as alergias respiratórias, como o uso de células dendríticas tolerogênicas.

Palavras-chave: Alergia Respiratória, Células Dendríticas, Tolerância, Blomia Tropicalis

voltar
Anais da MCC., Salvador, v.1, n.3, setembro. 2012, ISSN

Av. Dom João VI, 274 - Brotas - CEP: 40285-001
Salvador/Ba Tel: 2101-1900 Fax: 3356-1936
http://www.bahiana.edu.br