ISOLAMENTO E IDENTIFICAÇÃO DE SUBSTÂNCIAS NATURAIS COM POTENCIAL ATIVIDADE ANTINOCICEPTIVA

Autor(es): Bruno Teixeira Goes; Márcio Ramos Coutinho; Adriano da Cunha Gomes

A integração da medicina tradicional com a popular tem sido incentivada pela Organização Mundial de Saúde através da declaração de Alma-Ata, visto que, o uso de compostos naturais para a prevenção e tratamento de várias enfermidades é uma prática comum em grande parte da população que não tem acesso à medicina tradicional moderna. O ecossistema brasileiro possui a maior biodiversidade do mundo, detendo cerca de 23% do total de espécies existentes no planeta. Este dado apresenta um importante diferencial para o desenvolvimento de novas alternativas terapêuticas a partir de produtos naturais quanto o potencial analgésico e/ou antiinflamatório. Diante do exposto, o presente projeto visa realizar bioprospecção de extratos de plantas endêmicas de regiões da Caatinga e Mata Atlântica do território baiano, a fim de isolar e identificar substâncias naturais com potencial atividade antinociceptiva. Para tanto, plantas dos biomas supracitados serão coletadas, randomicamente, em diferentes épocas do ano, e, destas, serão preparados extratos e frações das diferentes partes. Posteriormente, os extratos e frações serão bioprospectadas e dos mais ativos serão isoladas as substâncias, por Cromatografia de Alta Performance (HPLC). Para determinar o potencial antinociceptivo dos metabolitos, serão utilizados camundongos (Mus musculus) da linhagem suíça machos, pesando cerca de 25g, submetidos ao teste de contorções abdominais para triagem inicial e, posteriormente, o teste da formalina, da placa-quente e de retirada da cauda para as substâncias promissoras na triagem inicial. A equipe do Núcleo de Biotecnologia e Bioprospecção (NBBio) espera com este trabalho identificar novas substâncias e princípios ativos que modulem a sensação dolorosa provenientes de consequências físicas, emocionais e sociais.

Palavras-chave: DOR; SUBSTANCIAS NATURAIS; ANTINOCICEPÇÃO; POTENCIAL ANTINOCICEPTIVO

voltar
Anais da MCC., Salvador, v.1, n.3, setembro. 2012, ISSN

Av. Dom João VI, 274 - Brotas - CEP: 40285-001
Salvador/Ba Tel: 2101-1900 Fax: 3356-1936
http://www.bahiana.edu.br