RELATO DE EXPERIÊNCIA: A PSICOLOGIA E SEUS ENFRENTAMENTOS DENTRO DO CONTEXTO CAPS

Autor(es): Marilia Dapena Fernandez

Este trabalho teve como objetivo apresentar através de uma análise teórica e prática um relato de experiência vinculado às questões que perpassam o movimento histórico da Reforma Psiquiátrica e a prática da psicologia relativa ao tratamento de usuários dos Centros de Atenção Psicossocial (CAPS), contribuindo com os questionamentos acerca do assunto. O estudo foi desenvolvido através da leitura de textos relacionados com a temática em questão e através da experiência como estagiária durante um ano e meio em dois CAPS II na cidade de Salvador. O texto parte três principais pilares para construir sua análise, são eles - a Reforma Psiquiátrica em seu movimento histórico, o CAPS e a atuação do psicólogo no CAPS. Da discussão dos conceitos vinculados, e as implicações dos processos históricos, políticos e sociais que levaram a implementação do CAPS, tendo em vista à compreensão das especificidades da psicologia em atuação relativa aos usuários da Saúde Mental. Frente às dificuldades para encontrar uma produção focada com relação ao tema especificado, foi selecionada como metodologia um relato de experiência. Com a institucionalização (Lei 10216/01) da reiteração do portador de transtornos mentais na sua sociedade, busca-se compreender melhor o lugar que a psicologia ocupa nesse processo e entender os instrumentais que estão sendo utilizados contemporaneamente. É proposta uma análise crítica desse papel, pretendendo contribuir com as discussões iniciais acerca do tema em questão, apontando para a necessidade de produção científica e, ainda, colaborar para que a psicologia repense a sua atuação dentro do tratamento da saúde mental no ambiente CAPS.

Palavras-chave: Psicologia; Saúde Mental; CAPS; Reforma Psiquiátrica

voltar
Anais da MCC., Salvador, v.1, n.3, setembro. 2012, ISSN

Av. Dom João VI, 274 - Brotas - CEP: 40285-001
Salvador/Ba Tel: 2101-1900 Fax: 3356-1936
http://www.bahiana.edu.br