FATORES ASSOCIADOS A COLONIZAÇÃO NASAL POR STAHYLOCOCCUS AUREUS RESISTENTES A METICILINA

Autor(es): Cássia Caroline da Hora Soares

Este projeto tem como finalidade avaliar os fatores de risco associados à colonização nasal por Staphylococcus aureus resistentes a meticilina (MRSA) em indivíduos saudáveis. MRSA tem sido identificado como uma das principais causas de infecções na comunidade na última década, porém os fatores que contribuem para a propagação de cepas resistentes na população ainda não estão bem estabelecidos. Neste estudo serão analisados dados epidemiológicos e laboratoriais provenientes de um grupo de adultos jovens, estudantes de Biomedicina. Para tanto serão coletadas amostras de secreção nasal e aplicado um questionário onde serão coletadas informações sócio-econômicas, sobre moradia e ambiente, condições de saúde e uso prévio de antimicrobianos dos indivíduos participantes da pesquisa. Com os dados obtidos deste estudo, pretende-se conhecer os fatores associados à colonização por S.aureus, afim de contribuir para ações que visem à redução de fontes potenciais de infecções de cepas resistentes de S. aureus na comunidade.

Palavras-chave: fatores de crescimento; colonização; staphylococcus aureus

voltar
Anais da MCC., Salvador, v.1, n.3, setembro. 2012, ISSN

Av. Dom João VI, 274 - Brotas - CEP: 40285-001
Salvador/Ba Tel: 2101-1900 Fax: 3356-1936
http://www.bahiana.edu.br