AVALIAÇÃO DA ASSOCIAÇÃO DOS POLIMORFISMOS DO GENE DO TOLL-LIKE RECEPTOR 9 COM A PRESENÇA DE DIFERENTES AUTOANTICORPOS EM PACIENTES COM LÚPUS ERITEMATOSO SISTÊMICO.

Autor(es): Felipe Oliveira Costa

O lúpus eritematoso sistêmico (LES) é uma condição imunológica caracterizada pela presença por um largo espectro de manifestações clínicas e pela riqueza de anticorpos dirigidos contra diferentes determinantes antigênicos. Embora sem etiologia conhecida, o componente genético tem sido cada vez mais reconhecido na contribuição para a sua etiopatogenia. Em estudo recente realizado, avaliando os polimorfismos do gene do toll-like receptor9 em pacientes com LES, foi encontrada uma associação entre uma história de psicose e a homozigose do alelo C na posição -1237 e entre a presença de lesão discóide e a homozigose do alelo G na posição +2848. No presente estudo pretende-se investigar a associação desses polimorfismos genéticos com a presença de autoanticorpos em 158 pacientes lúpicos, na tentativa de se identificar mais uma evidência a favor da participação genética na expressão da doença.

Palavras-chave: toll-like, lúpus, genética

voltar
Anais da MCC., Salvador, v.1, n.3, setembro. 2012, ISSN

Av. Dom João VI, 274 - Brotas - CEP: 40285-001
Salvador/Ba Tel: 2101-1900 Fax: 3356-1936
http://www.bahiana.edu.br