Perfil Epidemiológico e Cardiovascular de Obesos Submetidos à Cirurgia Bariátrica

Autor(es): Tainã Rocha Barreto, Ceila Beatriz Oliveira Menezes, Maíra Gonçalves Correia Silva, Luciola Maria Lopes Crissostomo

Introdução: Apesar de critérios bem estabelecidos para a indicação da cirurgia bariátrica (CO), não está descrito o perfil de diferentes populações obesas graves consideradas para esta cirurgia. Objetivo: Descrever o perfil epidemiológico e cardiovascular de pacientes obesos submetidos à CO e comparar as prevalências de fatores de risco cardiovascular em relação a sexo, estratos etários e IMC. Metodologia: Trata-se de um Estudo Descritivo. Foram avaliados 520 pacientes obesos através de revisão de prontuários médicos no CEDEBA. Preencheram critérios de inclusão 98 pacientes: obesos submetidos à CO entre 2008-2011. Foram avaliadas variáveis demográficas, epidemiológicas e clínicas. Análise estatística: descritiva, testes t de Student ou Mann- Whithney, e X2. A pesquisa foi aprovada por CEP. Resultados/Resultados esperados: A média de idade foi de 41,9±9,4 anos (24,0 a 64,0), com predomínio do sexo feminino, pardos e negros, e solteiros. Médias de IMC e circunferência abdominal foram respectivamente: 47,2±5,8kg/m2; e 121,2±10,0cm. Hipertensão arterial sistêmica (HAS) esteve presente em 72,0% dos pacientes; diabetes mellitus (DM) em 28,0%; dislipidemia (Dislip.) em 55,0%; tabagismo em 9,0%, e sedentarismo em 42%. A HAS foi mais frequente com maior IMC e essa diferença foi estatisticamente significante (p=0,0180).

Palavras-chave: Obesidade, cirurgia bariátrica, perfil epidemiológico e cardiovascular

voltar
Anais da MCC., Salvador, v.1, n.3, setembro. 2012, ISSN

Av. Dom João VI, 274 - Brotas - CEP: 40285-001
Salvador/Ba Tel: 2101-1900 Fax: 3356-1936
http://www.bahiana.edu.br