Projeto de Extensão Universitária: Escola Dentro da Universidade

Autor(es): Liliane Elze Falcão Lins Kusterer, Karine da Silva Souza, Larissa de Jesus Bastos, Gabriel dos Santos Alves, Ramona de Jesus Santos, Liliane Elze Falcão Lins Kusterer

Introdução: Partindo do preceito da indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão, e da necessidade de integração e troca de saberes entre a universidade e a comunidade, é que se criou o projeto Escola Dentro da Universidade, desenvolvido pela Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública (EBMSP), apoiado pela FAPESB/CNPq, com a participação de estudantes de iniciação científica. Desse modo, ele tem sua importância revelada na busca da compreensão das necessidades sociais e tranformação da sociedade. Objetivo: Realizar prevenção e promoção da saúde em escolas do ensino público, através de intervenção direta na comunidade; proporcionar aos estudantes ampliação do conhecimento científico e consciência social. Metodologia: Trata-se de um estudo composto por duas partes. Na Parte I realizou-se um estudo descritivo e transversal, que se utilizou de inquéritos CAP, com seleção aleatória da amostra de estudantes do ensino médio em escola pública de Salvador. A metodologia CAP mede o conhecimento, a atitude e a prática de uma população, permitindo o seu diagnóstico, e mostra o que as pessoas sabem e como se comportam a respeito de determinado tema, no caso, o uso de métodos anticonceptivos, prevenção de DST's e de gravidez na adolescência. A parte II do presente estudo visa uma intervenção em educação, sendo subsidiada pelos dados obtidos na parte I. Esta, por sua vez, não pode ser realizada devido à greve dos professores da rede pública. Mas, seu agendamento junto à direção da escola está atualmente em curso. Resultados/Resultados esperados: A Parte I do trabalho, que consistiu no desenvolvimento de um questionário e posterior aplicação a 164 estudantes da escola pública foi bem-sucedida. Os dados foram coletados e a estatística calculada. Com esses resultados, produziu-se um artigo científico. A Parte II consistiu na elaboração de oficinas educativas a serem realizadas na escola. Foram desenvolvidos a capacidade crítica, a retórica e os conhecimentos estatísticos e metodológicos da pesquisa, além aprofundamento do temas abordados.

Palavras-chave: educação sexual; adolescentes; escola pública; universidade

voltar
Anais da MCC., Salvador, v.1, n.3, setembro. 2012, ISSN

Av. Dom João VI, 274 - Brotas - CEP: 40285-001
Salvador/Ba Tel: 2101-1900 Fax: 3356-1936
http://www.bahiana.edu.br