Efeito da Terapia Periodontal e Higienização da Língua sobre Os Níveis de CSV do Hálito

Autor(es): Ana Paula Dias Fontoura, Maria Olimpia Vilas Boas dos Santos e Sandro Bittencourt Sousa

Introdução: A halitose, ou mal hálito, é uma condição anormal do hálito, na qual este se altera de forma desagradável tanto para o paciente como para as pessoas com as quais ele se relaciona. A etiologia da halitose é multifatorial, e podem se originar da cavidade oral ou através de fatores extra orais. As substâncias primárias associadas com o mau hálito derivam do metabolismo bacteriano de aminoácidos Estes metabólitos incluem compostos como indol, escatol, compostos sulfurados voláteis dentre outros. Objetivo: Este trabalho teve como objetivo avaliar o efeito da terapia periodontal e higienização da língua sobre os níveis de formação dos CSV em pacientes portadores de periodontite crônica. Metodologia: Foram selecionados 10 pacientes com periodontite crônica e foram avaliados os parâmetros clínicos periodontais, tais como IP, IG, PS, NIC, SS. Estes parâmetros foram obtidos na primeira consulta, 15 dias após orientação em higiene oral, 15 dias após adequação do meio bucal e 30, 60 e 90 dias após o debridamento subgengival. Também foram realizadas a avaliação da saburra, do fluxo salivar e dos níveis intra-orais de CSV. Resultados/Resultados esperados: Com a motivação e instrução de higiene oral, incluindo a limpeza mecânica da língua, os níveis dos comostos sulfurados voláteis do hálito diminuíram de forma significativa. Os resultados ressaltam a importância da reeducação dos hábitos de higiene bucal em pacientes com halitose associado com a terapia periodontal.

Palavras-chave: Periodontite crônica. Halitose. Saburra lingua.

voltar
Anais da MCC., Salvador, v.1, n.3, setembro. 2012, ISSN

Av. Dom João VI, 274 - Brotas - CEP: 40285-001
Salvador/Ba Tel: 2101-1900 Fax: 3356-1936
http://www.bahiana.edu.br