Estabilidade do Parafuso de Fixação em Implantes de Hexagono Externo e Cone Morse

Autor(es): Carolina Souza Almeida, Paulo Feitosa, Thamires Alves Ferreira Rocha, Blanca Liliana Torres Leon Viega

Introdução: Parte do sucesso em ósseointegração depende fundamentalmente da união entre restauração protética e implante que é dada através de uma força de aperto denominada torque, que gera compressão de aperto entre as partes, chamadas pré-carga. Forças de contatos cêntricos, excêntricos, excursivos, interproximais, cantilever e estruturas não passivas podem causar a instabilidade da junta parafusada, ou seja, o seu afrouxamento (NAKAMURA, 2006). Objetivo: Comparar a tensão necessária para o destorque dos parafusos de fixação de abutment em implantes de hexágono externo e cone Morse utilizando um torquímetro manual e um analógico Metodologia: Os torques foram aplicados nos parafusos dos pilares com um torquímetro manual e o torquímetro analógico (Tohnichi BTG60CN - Tokio/ Japão) e foi obtido as medidas das quantidades de torques e destorques com o próprio torquímetro analógico, que também possui um dispositivo de medição.Inicialmente, para a aplicação do torque, as amostras foram firmemente fixadas em torno de uma bancada. Foram aplicados dois torques com o mesmo valor (32 Ncm) e intervalo de dez minutos entre eles. Após dois minutos foi medido e registrado o valor necessário para afrouxar o parafuso (destorque). Passados outros dez minutos, foi aplicado novo torque, com o mesmo valor do torque inicial, conforme metodologia proposta por Breeding et al. (1993). Resultados/Resultados esperados: Os níveis de afrouxamento e sedimentação do parafuso de fixação são maiores nas conexões dos implantes de hexágono externo comparando-se com a conexão morse, que apresentou, através dos testes com o torquímetro e medidor analógico alto índice de sucesso após o teste de torqueamento da sua junta parafusada, necessitando maior força de destorque para ocasionar instabilidade.

Palavras-chave: Cone Morse. Parafuso de Fixação. Torquímetro

voltar
Anais da MCC., Salvador, v.1, n.3, setembro. 2012, ISSN

Av. Dom João VI, 274 - Brotas - CEP: 40285-001
Salvador/Ba Tel: 2101-1900 Fax: 3356-1936
http://www.bahiana.edu.br