Perfil do Portador de Diabetes com Dor Crônica na Usf Zulmira Barros, Salvador, Bahia

Autor(es): Kamilla Soares Silva, Sharize Cristine de Araújo Gois

Introdução: A dor é uma sensação desagradável localizada em alguma região do corpo e pode ser classificada de acordo com o tempo de duração, localização e etiologia. Em relação ao tempo, pode ser considerada como aguda ou crônica, que se diferencia por um tempo de seis meses. Em portadores de diabetes, a dor crônica é comum, principalmente, naqueles que apresentam neuropatia diabética. Objetivo: Caracterizar e identificar o perfil do portador de Diabetes com dor crônica na Unidade de Saúde da Família Zulmira Barros, Salvador, Bahia. Metodologia: É um estudo de caráter descritivo e corte transversal que utilizará a pesquisa de campo. Foram definidos os seguintes critérios de inclusão: portadores de diabetes cadastrados na USF com dor crônica; idade igual ou superior a 20 anos. Serão excluídas as gestantes e as pessoas com incapacidade para responder aos questionários. A coleta de dados acontecerá a partir de entrevista com aplicação de questionários específicos e validados para estudo da dor. Os dados serão tabulados e analisados pelo SPSS versão 14.0 para Windows, sendo utilizados os testes qui-quadrado (variáveis nominais) e T de student (variáveis numéricas). Resultados/Resultados esperados: Espera-se que, ao final do estudo, seja possível conhecer o perfil do portador de diabetes com dor crônica na USF Zulmira Barros, Salvador, Bahia, contribuindo para a atuação da equipe de saúde responsável por esta área. Além disso, com estes resultados, será possível diagnosticar precocemente a dor crônica em indivíduos com diabetes, garantindo a prevenção ou tratamento de lesões em nervos periféricos.

Palavras-chave: Dor. Dor crônica. Diabetes Mellitus.

voltar
Anais da MCC., Salvador, v.1, n.3, setembro. 2012, ISSN

Av. Dom João VI, 274 - Brotas - CEP: 40285-001
Salvador/Ba Tel: 2101-1900 Fax: 3356-1936
http://www.bahiana.edu.br