Reforma Psiquiátrica no Brasil: Uma Reflexão do Processo Historico

Autor(es): Tarsila Silva Lisbôa dos Santos, Naiara Sena Xavier Queiroz de Souza, Marina Argollo Vazquez, Nila Catarina Figueroa Gurriti de Assis, Sandra Dultra Cabral Portela e Sandra Dultra Cabral Portela

Introdução: A reforma psiquiátrica tem o objetivo de modificar o sistema de tratamento clínico da doença mental, eliminando gradativamente as internações como forma de exclusão social. Este modelo seria substituído por um conjunto de serviços de atenção psicossocial, com o intuito de garantir aos pacientes com transtorno mental o respeito aos direitos e suas individualidades, cidadania e visando à integração dos mesmos. Objetivo: Refletir sobre o histórico da reforma psiquiátrica no Brasil. Metodologia: Trata-se de um estudo descritivo baseado em revisão de literatura de abordagem qualitativa, além da percepção das autoras a respeito do assunto abordado. A obtenção dos dados realizou-se a partir de capítulos de livros e artigos de enfermagem tendo como critério de inclusão aqueles que comtemplasse o tema reforma psiquiátrica. O período de publicação analisada foi de 2000 a 2012, sendo o buscador principal a base de dados SCIELO. Resultados/Resultados esperados: O efeito da reforma psiquiátrica tem sido benéfico para os pacientes que estão sendo retirados dos hospícios na tentativa de incluí-los na comunidade, na família, fazendo que exerçam o papel da sua cidadania.

Palavras-chave: Psiquiatria

voltar
Anais da MCC., Salvador, v.1, n.3, setembro. 2012, ISSN

Av. Dom João VI, 274 - Brotas - CEP: 40285-001
Salvador/Ba Tel: 2101-1900 Fax: 3356-1936
http://www.bahiana.edu.br