Tuberculose Faringolaríngea - Caso Clínico

Autor(es): Ívina Fernandez Baqueiro Perrucho, Queila Borges de Oliveira, Rafaela Sousa dos Santos, Anna Cristina Ribeiro , Sandra Dultra Cabral Portela

Introdução: A tuberculose faringolaríngea, um desdobramento da forma pulmonar, é uma apresentação rara que evolui para óbito em 70% dos casos. Devido à precariedade do tratamento e sua supervisão, aparecem cepas multiresistentes do bacilo de Koch e um aumento progressivo do número de caso. Em sua sintomatologia variada, observam-se lesões ulcerosas crônicas com amígdalas dolorosas e tumefactas, hipertrofia uni ou bilateral indolor com hiperemia ou necrose. Objetivo: Descrever um caso de tuberculose faringolaríngea sem acometimento pulmonar, em uma paciente grávida. Metodologia: Os passos determinados para execução da pesquisa foram: Bases de dados LILACS e SCIELO. Utilizamos publicações que envolviam mulheres grávidas, e que foram publicados entre os anos de 2007 e 2010. Foram excluídos artigos fora do idioma português, e cujo foco de estudo se restringia apenas à tuberculose de acometimento pulmonar e aos indivíduos que apresentavam a doença associada à Síndrome de Imunodeficiência Adquirida (AIDS). Resultados/Resultados esperados: MS, 32 anos, sexo feminino, gestante de 17 semanas procurou o serviço de saúde com queixa de dor em orofaringe. Na anamnese paciente relatou tosse, hipertermia, eliminação de conteúdos por via oral, prurido faríngeo, dispnéia, hemoptise. Referiu ter tido contato com paciente em tratamento para a tuberculose pulmonar. No exame físico detectou-se tiragem intercostal, nódulos em região esternocleidomastóidea esquerda indolores. PA= 110x70 mmHg; FR= 30 inc/min; Pulso= 110 bat/min; T= 36,8° C.

Palavras-chave: tuberculose. tuberculose laríngea. tuberculose extra-pulomonar.

voltar
Anais da MCC., Salvador, v.1, n.3, setembro. 2012, ISSN

Av. Dom João VI, 274 - Brotas - CEP: 40285-001
Salvador/Ba Tel: 2101-1900 Fax: 3356-1936
http://www.bahiana.edu.br