Assistência de Enfermagem Frente as Pacientes em Processo de Aborto

Autor(es): Karem Najara dos Santos Cerqueira, Karine Espirito Santo Moreira, Isis Maria de Sousa Cezar, Janine Marie Santos Bochin

Introdução: O aborto é definido pela OMS (2005) como expulsão ou extração do concepto até a 22ª semana, com peso inferior a 500 gramas, antes de sua viabilidade fora do útero. O aborto constitui um problema de saúde pública, seja pelos agravos ou pela discriminação que sofrem essas mulheres, trata-se de um problema polêmico pois envolve questões pessoais, culturais, religiosas, sociais e legais (BRASIL, 2000; DOMINGOS; MERIGHI, 2010). Objetivo: O objetivo foi realizar revisão de literatura sobre a Assistência de Enfermagem Frente às Pacientes em Processo de Aborto Metodologia: Trata-se de um estudo descritivo, do tipo revisão de literatura. O universo deste se constituiu de artigos publicados nos anos de 2005 a 2011, localizados em base de dados online (Scielo e Biblioteca Virtual em Saúde). Foram utilizadas como palavras-chaves: enfermagem aborto; agravos aborto e paciente aborto Resultados/Resultados esperados: De acordo com a OMS (2005) o Brasil lidera as estatísticas de abortamento provocado em todo o mundo, sendo no município de Salvador a principal causa de morte materna. O atendimento de enfermagem é extremamente importante no atendimento a essas mulheres, o profissional deve estar capacitado para oferecer o acolhimento, o que exige uma reflexão acerca dos próprios valores, o reconhecimento das suas limitações, evitando desse modo julgamentos e posturas antiéticas.

Palavras-chave: Aborto. Assistência de enfermagem. Morte Materna

voltar
Anais da MCC., Salvador, v.1, n.3, setembro. 2012, ISSN

Av. Dom João VI, 274 - Brotas - CEP: 40285-001
Salvador/Ba Tel: 2101-1900 Fax: 3356-1936
http://www.bahiana.edu.br