Galeria de Fotos

Jornada de Odontologia da Bahiana atrai público diversificado
18ª edição contou com 713 inscritos entre estudantes e profissionais da odontologia.

JOBA da maioridade: ciência, tecnologia e ética! Esse foi o tema da 18ª edição da Jornada de Odontologia da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública. O evento aconteceu nos dias 16 e 17 de abril, das 8h às 18h30, no Campus Cabula e contou com um número total de 713 inscritos entre estudantes e profissionais da odontologia. Compuseram a mesa de abertura o coordenador docente da Jornada professor Fernando Bastos, a homenageada do evento, professora Alena Ribeiro, a coordenadora de Desenvolvimento de Pessoas, professora Luiza Ribeiro, a pró-reitora de Ensino de Graduação e Pós-Graduação da Bahiana, professora Maria de Lourdes Freitas Gomes, o coordenador do curso de Odontologia da Bahiana, professor Urbino Tunes, o pró-reitor de Pesquisa e Inovação, prof. Atson Fernandes, o diretor do curso de Odontologia da UFBA e presidente do Conselho Regional de Odontologia – CRO, Marcel Arriaga, e o coordenador discente da JOBA, Wellington Santos.
 
No Auditório do Pavilhão III, para dar as boas-vindas à jornada no dia 16 de abril, a Orquestra Sinfônica da Bahia – OSBA iniciou a solenidade de abertura com uma apresentação musical. A programação dos dois dias abrangeu conferências, hands-on, apresentações de trabalhos e workshops, além dos III Encontro de Reabilitação Oral, XII Encontro de Ex-alunos e II Encontro de Odontopediatria.
 
Já no Centro Odontológico, as atividades realizadas pela Liga Acadêmica Bahiana de Educação em Saúde Bucal – LABESB foram voltadas às crianças e aos adolescentes de 5 a 14 anos da Escola Municipal de Pau da Lima. Ações, como Instrução de higiene oral, Tratamento Restaurador Atraumático (TRA), orientação quanto a dietas e atividades lúdicas, como pintura facial, mural das artes, amarelinha e dança da cadeira, foram desenvolvidas visando à promoção da saúde. A Liga Acadêmica Bahiana de Odontopediatria – LABOP também mediou brincadeiras educativas, pintura facial, oficina de slime, pescaria e escovação supervisionada.
 
Wellington Santos enxergou, na ocasião, a possibilidade de expandir os conhecimentos de acordo com as demandas dos estudantes, uma vez que o momento foi construído por e para os alunos, ressaltando que a elaboração da grade diversificada foi possível graças a cooperação dos 40 membros da comissão e dos 17 professores envolvidos: “Também fiquei feliz pelo crescimento do número de profissionais que se inscreveram na JOBA. É um quantitativo que tende a aumentar, diversificando o público”. Wellington ainda agradeceu a participação de todos. Em seu discurso, o professor Fernando Bastos destacou o apoio dos núcleos e dos demais setores da instituição para que fosse possível obter os resultados positivos do evento.
 
A pró-reitora de Ensino pontua que é sempre um prazer estar presente num evento de grande representatividade, como a Jornada de Odontologia: “O curso de Odontologia realiza essa ação em conjunto com os docentes, estudantes e corpo técnico da extensão, mas extrapola os muros da Bahiana e alcança, não só alunos de outras instituições como profissionais e em quantidade expressiva”.
 
Para Luiza Ribeiro, a iniciativa representa o fomento ao espírito solidário: “Precisamos de pessoas que olhem para a ciência na perspectiva do cuidado ao ser humano. Por isso, à medida que temas atuais são explorados, é primordial se apoiar na ética”. A coordenadora de Desenvolvimento de Pessoas frisa que os 21 anos da faculdade de Odontologia, curso que já é reconhecido em vários estados e países, “não poderia ter recebido melhor homenagem com a realização dessa edição da JOBA”.
 
O presidente do Conselho Regional de Odontologia – CRO revela que participa da Jornada desde a primeira edição, seja como ouvinte ou representando alguma entidade, e gosta muito de prestigiar o momento: “... me sinto em casa e vejo que os alunos, professores e funcionários fazem isso com amor”. Já a estudante Larissa Santana, que cursa o segundo ano de Odontologia da Bahiana, conclui que a JOBA foi uma experiência enriquecedora: “... participei de workshops e palestras muito relevantes para a minha área”.
 
“O sentimento é de gratidão por ser o JOBA’s name. Foi uma experiência única que me aproximou mais ainda de todos e que me fez refletir sobre o processo de construção e aperfeiçoamento profissional que vivenciei no curso de Odontologia da Bahiana”, reconhece a prof.ª Dra. Alena Ribeiro. No segundo dia, houve a exibição de um vídeo em dedicação a Alena. A produção teve a participação dos professores, alunos e dos próprios familiares da professora. Além da homenageada, o professor Urbino Tunes e o aluno Wellington Santos também foram presenteados pelos membros da organização.


Campus Brotas

Av. Dom João VI, nº 275, Brotas.
CEP: 40290-000
tel.: (71) 3276 8200
fax.: (71) 3276 8202

Campus Cabula

Rua Silveira Martins, nº 3386, Cabula
CEP: 41150-000
tel.: (71) 3257 8200
fax.: (71) 3257 8230

Coordenadoria Geral

Av. Dom João VI, nº 274, Brotas.
CEP: 40285-001
tel.: (71) 2101 1900
fax.: (71) 3356 1936