Galeria de Fotos

II Fórum de Pesquisadores da Bahiana

Celebrar o conhecimento. Com esse espírito professores, estudantes, pesquisadores e convidados participaram do II Fórum de Pesquisadores da Bahiana que aconteceu no dia 27 de setembro, na Unidade Acadêmica Cabula em paralelo ao primeiro dia da XII Mostra Científica e Cultural da Bahiana.

A abertura do Fórum contou com a presença da diretora da Bahiana, Prof.ª Dra. Maria Luisa Carvalho Soliani, do Secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado, Prof. Paulo Câmara, da coordenadora de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão da Bahiana, Dra. Kátia Nunes Sá e do Pró-Reitor de Pesquisa, Ensino e Extensão da UNEB, Dr. José Cláudio Rocha. Juntas, as autoridades presentes participaram da mesa de abertura, dando início às atividades do Fórum.

Durante a realização do Fórum, foi entregue o Prêmio Humberto de Castro Lima ao Prof. Dr. Luiz Cláudio Lemos, eleito melhor pesquisador do ano de 2011. A premiação tem como objetivo reconhecer o trabalho dos pesquisadores da Bahiana, estimulando-os a continuar contribuindo com a formação qualificada do profissional da área da saúde, de acordo com os valores institucionais.

“Esse Fórum é um acontecimento muito especial para a nossa Escola, que nasceu apenas voltada para o ensino e, ao longo dos 60 anos de sua história, teve o seu objetivo ampliado, passando a incentivar também o caminho da pesquisa. A Escola não tinha seu caminho voltado para a pesquisa, até que se desenvolveu nos últimos anos, durante a gestão do Prof. Humberto de Castro Lima”, comentou a Dra. Maria Luisa.

Em sua fala, o secretário Prof. Paulo Câmara destacou importantes conquistas de sua pasta na gestão executiva do Estado, a exemplo do Parque Tecnológico, uma iniciativa inovadora que coloca a Bahia em posição de destaque no ramo do desenvolvimento da pesquisa científica voltada à produção de bens de consumo ligados à saúde, como fármacos, vacinas e kits de diagnósticos, linhas que serão desenvolvidas pela Bahiana, que também faz parte do projeto, juntamente com outras universidades públicas, laboratórios e indústrias.

“Nossa entrada no Parque Tecnológico mostrou que estamos no caminho certo. O desenvolvimento da ciência aplicada é também nossa preocupação. É papel de uma instituição de ensino superior fazer essa ligação entre o governo e a saúde, além de nos unirmos também às indústrias, pois são elas que irão incrementar a distribuição do produto de nosso trabalho”, comenta Dr.ª Kátia Sá.



Campus Brotas

Av. Dom João VI, nº 275, Brotas.
CEP: 40290-000
tel.: (71) 3276 8200
fax.: (71) 3276 8202

Campus Cabula

Rua Silveira Martins, nº 3386, Cabula
CEP: 41150-000
tel.: (71) 3257 8200
fax.: (71) 3257 8230

Coordenadoria Geral

Av. Dom João VI, nº 274, Brotas.
CEP: 40285-001
tel.: (71) 2101 1900
fax.: (71) 3356 1936