Notícias

GPTW marca início das comemorações de 65 anos da Bahiana

Após ficar três vezes consecutivas entre as cinco melhores empresas para trabalhar na Bahia, a Escola alcança a vice-liderança em premiação que tem foco na qualidade de vida dos colaboradores.
24/05/2017


GPTW marca início das comemorações de 65 anos da Bahiana

Após ficar três vezes consecutivas entre as cinco melhores empresas para trabalhar na Bahia, a Escola alcança a vice-liderança em premiação que tem foco na qualidade de vida dos colaboradores.

No mês em que celebra 65 anos, a Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública inicia suas comemorações com o reconhecimento público de ser uma das melhores empresas para trabalhar, no estado da Bahia, ao receber o prêmio de 2º lugar na edição do Great Place do Work 2016, na categoria grandes empresas. A solenidade de premiação aconteceu na noite desta terça-feira, 23 de maio, na Casa do Comércio, em Salvador.

A Bahiana figurou entre instituições como a Dínamo Engenharia (1º lugar), Supermercados GBarbosa (3º lugar), Grupo Ramiro Campelo (4º lugar) e Grupo TPC (5º lugar). Além dos cinco primeiros colocados, essa edição premiou, pela primeira vez, categorias distintas, reunindo também 10 empresas de pequeno e médio porte.  Ao todo, essa 4ª edição contou com 35 empresas concorrentes, representando um universo de, aproximadamente, 31 mil colaboradores.
 
     

"Eu vejo esse prêmio com uma alegria enorme, como um presente de 65 anos. É uma coerência à história da Bahiana que se concretiza também na geração atual. A minha palavra para os colaboradores, para toda a comunidade acadêmica é: muito obrigada! Obrigada por ter o coração aberto, por querer aprender, por acreditar na instituição, pelo amor que viemos cultivando há 65 anos e por honrarmos essa história!", declarou a coordenadora de Desenvolvimento de Pessoas da Bahiana, Prof.ª Luiza Ribeiro, que recebeu, juntamente com a gestora de Recursos Humanos Telma Bastos, o troféu GPTW. Luiza ainda destacou a liderança da reitora da Bahiana, Dra. Maria Luisa Carvalho Soliani que, "mesmo em momentos de crise, como o que o Brasil passa agora, nos põe em campo para trabalhar juntos".

Também presente na solenidade, a pró-reitora de Ensino de Graduação e Pós-Graduação, Prof.ª Maria de Lourdes de Freitas Gomes declarou que o trabalho feito de forma coletiva e reflexiva é o que resulta nesse reconhecimento "e isso é o que a instituição mais preza e está muito presente nas pessoas. Neste ano em que completamos 65 anos, receber esse prêmio é muito marcante e demonstra que toda essa construção é fortalecida pelo tempo e pela excelência do que a Bahiana faz".
 
     

O instituto GPTW, idealizador e realizador da premiação, é uma instituição global de consultoria e treinamento, fundada nos Estados Unidos. A entidade realiza pesquisas das melhores empresas para trabalhar em 53 países e, no Brasil, atua já há 25 anos. O prêmio é resultado de uma pesquisa realizada com colaboradores, composta de 58 questões, além da análise de práticas da empresa que deve atingir uma amostra mínima de funcionários estipulada e obter uma nota igual ou superior a 70%. Na etapa seguinte, as respostas dos colaboradores são avaliadas, bem como as ações realizadas pela instituição. O peso é de 56% para a pesquisa quantitativa, 11% para a pesquisa qualitativa e 33% para as práticas da empresa.

Muito emocionada, Telma Bastos disse que é sempre uma alegria o resultado do GPTW, mas pondera afirmando que se manter nesse patamar é também enfrentar o desafio de permanecer sempre crescendo e cuidando cada vez mais dos colaboradores. "O que reúne essas empresas que estão aqui hoje é a grande missão de servir ao outro. Elas têm um propósito a seguir e o fazem junto com seus colaboradores. Integrar o que você deseja com o que você faz é ter coerência. Chegamos nesse lugar justamente porque aquilo que queremos ser é o que fazemos todos os dias". Ela ressalta, ainda, que esse compromisso está presente em todos os setores da Bahiana. "Servir ao outro de coração aberto! A Bahiana exala isso em todas as dimensões, em todas as suas ações, seja no técnico ou no acadêmico, é um esforço coletivo".

Também estiveram representando a Bahiana, na solenidade, Allana Machado, supervisora de Desenvolvimento de Pessoas e Adriana Raquino, gestora da Tesouraria.

Campus Brotas

Av. Dom João VI, nº 275, Brotas.
CEP: 40290-000
tel.: (71) 3276 8200
fax.: (71) 3276 8202

Campus Cabula

Rua Silveira Martins, nº 3386, Cabula
CEP: 41150-100
tel.: (71) 3257 8200
fax.: (71) 3257 8230

Coordenadoria Geral

Av. Dom João VI, nº 274, Brotas.
CEP: 40285-001
tel.: (71) 2101 1900
fax.: (71) 3356 1936