Notícias

Edital PIBIC BAHIANA/FAPESB - 2009/2010

20/03/2009


Edital PIBIC BAHIANA/FAPESB - 2009/2010

Edital PIBIC BAHIANA/FAPESB  - 2009/2010

A Coordenação Geral da Fundação Bahiana para o Desenvolvimento das Ciências/ Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública torna público e convoca a sua comunidade acadêmica para apresentar propostas ao Programa Institucional de Bolsa de Iniciação Científica (PIBIC) 2009/2010, apoiado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia (FAPESB) através do sistema de cotas institucionais

1. OBJETIVOS

O Programa Institucional de Bolsa de Iniciação Científica (PIBIC) visa despertar a vocação científica e incentivar talentos potenciais entre estudantes de graduação, mediante a participação em projetos de pesquisas orientados por pesquisadores atuantes e qualificados.

2. NATUREZA

O Programa de Bolsa de Iniciação Científica, concederá 40 bolsas com duração de 12 (doze) meses, podendo se candidatar os alunos regulares dos Cursos de Graduação da Bahiana

2.1 O valor da mensalidade da bolsa é igual a R$ 350,00 (trezentos e cinquenta reais);

2.2  As bolsas terão início em agosto de 2009 e término em julho de 2010;

As bolsas serão concedidas pelo prazo máximo de 12 meses, ficando a renovação por mais 12 (doze) meses condicionada a novo pedido do bolsista, desde que o orientador e orientado não estejam inadimplentes com o PIBIC/FAPESB/BAHIANA  e dentro da cota anual da instituição prevista para o novo exercício.

3. ELEGIBILIDADE E CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO

3.1 O candidato à bolsa deve atender aos seguintes requisitos mínimos:

3.1.1 Ter bom desempenho acadêmico, evidenciado pelo histórico escolar, dentro da sistemática de avaliação para cada curso, aprovadas pelo Conselho de Integração Curricular.

3.1.2 Estar regularmente matriculado em curso de graduação da Bahiana

3.1.3 Dedicar, no mínimo, 20 horas semanais ao projeto;

3.1.4 Não ter vínculo empregatício, de qualquer natureza, durante toda a vigência da bolsa;

3.1.5 Não ser beneficiado por outra bolsa de qualquer natureza, durante toda a vigência da bolsa;

3.1.6 Possuir currículo atualizado na Plataforma Lattes 

3.1.7 Ter concluído o 2º semestre do curso de graduação

3.1.8 Não poderão se inscrever os alunos com previsão do término do curso no período de vigência da bolsa.

3.2 O orientador do candidato à bolsa deve atender aos seguintes requisitos mínimos:

3.2.1 Ser pesquisador com produtividade científica destacada, com titulação mínima de Mestrado obtida em Programa de Pós-Graduação stricto sensu reconhecido pela CAPES, ou formalmente convalidado no Brasil, se obtido no exterior;

3.2.2 Ter vínculo empregatício em Tempo Integral ou Dedicação Exclusiva com instituição de ensino superior e/ou pesquisa científica e/ou tecnológica sediada no Estado da Bahia e que detém a cota institucional da FAPESB;

3.2.3 Integrar Grupo de Pesquisa cadastrado no Diretório de Grupos de Pesquisa do CNPq;

3.2.4 Possuir currículo atualizado na Plataforma Lattes

3.2.5 Orientar o bolsista nas distintas fases do trabalho científico, incluindo a elaboração do relatório e material para a apresentação dos resultados em eventos científicos.

4.0 APRESENTAÇÃO DAS PROPOSTAS

  • Cadastro online do orientador (Portal da FAPESB)
  • Cadastro online do candidato (Portal da FAPESB)
  • Histórico do candidato, referente à graduação (assinado pela instituição)
  • Curriculum Lattes atualizado do orientador
  • Currículo Lattes atualizado do candidato
  • Projeto de pesquisa. (Modelo FAPESB)

NOTAS:

  • Na proposta deve ficar bem definida a participação do bolsista no desenvolvimento do projeto
  • Cada pesquisador poderá enviar várias propostas para concessão da bolsa, contudo apenas uma (01) proposta poderá ser aprovada por cada pesquisador solicitante. 
  • Em relação ao projeto de pesquisa: 
    • Não inserir no projeto o nome do orientador, do candidato ou informações institucionais, para que fique assegurado o anonimato, quando da avaliação.
    • O projeto deverá ser apresentado em 02 vias: 01 impressa e outra em CD  (Microsoft Office 2003), rigorosamente iguais (cópia)

5.0. ANÁLISE E JULGAMENTO

  • O julgamento das propostas será realizado por pelo menos dois professores da Escola, designados pela Coordenação de Bolsas de Iniciação Científica da BAHIANA e receberá uma pontuação nos termos do ANEXO 01 (Barema)
  •  A análise final das propostas submetidas a BAHIANA/FBDC, obedecerá aos critérios de julgamento do Comitê de Seleção Final, do qual deverá fazer parte um representante indicado pela FAPESB.

Critério de desempate:

  1. Pelo escore do histórico escolar
  2. Não ter sido beneficiado por bolsa anterior
  3. Ter exercido monitoria em disciplina que componha a matriz curricular dos cursos da BAHIANA/FBDC
  4. Caso persista o empate o Comitê de Seleção terá autonomia para propor outras formas de desempate.

6.0 DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS E CONTRATAÇÃO

6.1 O resultado do julgamento das propostas será divulgado no Portal da FAPESB e da BAHIANA, na data prevista no Cronograma apresentado no item 7 deste Edital, cabendo aos Candidatos a inteira responsabilidade de informar-se dos mesmos.

6.2 Os Proponentes contemplados com bolsa da FAPESB deverão entregar à BAHIANA documentação complementar relacionada no quadro abaixo, em prazo estipulado no Cronograma apresentado no item 7 deste Edital:

Documentação
  • Formulário on-line Programa de Bolsas, específico para modalidade de IC_COTAS 
  • Cópia do documento de identidade 
  • Cópia do CPF do Candidato 
  • Comprovante de Matrícula de 2009 
  • Declaração do candidato informando que não terá vínculo empregatício durante o período da bolsa e que não é e nem será beneficiado por outra bolsa.
  • Extrato de conta bancária do Banco do Brasil, contendo números de agência e conta-corrente, incluindo respectivos dígitos verificadores (OBS: Quem não possuir conta no Banco do Brasil, deverá abri-la até o prazo de apresentação dos documentos).

6.3 A não apresentação de todos os documentos solicitados no prazo determinado no Cronograma que corresponde ao item 6 do presente edital implicará a desclassificação automática do candidato.

6.4 A bolsa será implementada a partir da data estipulada no Cronograma que corresponde ao item 7 do presente edital, após publicação do Termo de Outorga no Diário Oficial do Estado, sendo paga mensalmente, através de crédito em conta corrente do Banco do Brasil indicada pelo bolsista.

7. CRONOGRAMA

  • Lançamento do Edital e Início de recebimento de propostas: 20.3.2009
  • Encerramento de recebimento de propostas: 16 de abril de 2009;
  • Divulgação dos Resultados: até16 de maio de 2009;
  • Envio da documentação dos novos bolsistas à FAPESB: até 02 de junho 2009;
  • Assinatura dos Termos de Outorga: 09 de junho a 10 de julho de 2009;
  • Contratação: 01 de agosto de 2009.

8. SUBSTITUIÇÕES

8.1 Durante o período de vigência da bolsa, os bolsistas de instituições cotistas podem ser substituídos uma única vez, no mesmo projeto aprovado pelo Edital, mediante solicitação do orientador e autorização expressa da instituição de ensino/pesquisa à qual o estudante está vinculado, até o 9º mês de vigência da bolsa;

8.2 A solicitação de substituição do bolsista deve ser feita através de ofício do orientador justificando a substituição, e encaminhada à FAPESB pela coordenação do Programa, acompanhada da documentação do novo bolsista; o substituto deve preencher os critérios de desempenho acadêmico, explicitados no Edital da instituição cotista, bem como os requisitos e condições;

8.3 O bolsista substituído deve apresentar à instituição, em até 30 (trinta) dias, Relatório Técnico Final do período em que recebeu a bolsa.

8.4 Em caso de impedimento do Orientador, a instituição poderá requerer a substituição, desde que, no mesmo projeto, por pesquisador que atenda os requisitos previstos no item 3.2.1;

8.5 Em caso de exoneração do orientador pela instituição, a bolsa será cancelada em caráter definitivo, não sendo admitida a substituição do orientador.

9. ACOMPANHAMENTO E AVALIAÇÃO

9.1 A Instituição Cotista prestará contas à FAPESB através dos Relatórios Técnicos Institucionais Parcial e Final, que deverão ser encaminhados à FAPESB no sétimo mês de vigência das bolsas (Parcial) e até 60 (sessenta dias) após o final da vigência da Bolsa (Final).
Para tanto, os bolsistas apresentarão à BAHIANA 2 (dois) tipos de Relatório:
a) Relatório Técnico Parcial – encaminhado pelo bolsista no sexto mês de vigência da bolsa. A BAHIANA/FBDC deverá encaminhar à FAPESB um Relatório Institucional que conste a relação dos bolsistas vigentes em ordem alfabética, com respectivos pareceres de APROVADO ou REPROVADO. Bolsistas substituídos nesse período deverão estar presentes numa lista em separado, também, em ordem alfabética e com devidos pareceres.
b) Relatório Técnico Final – encaminhado pelo bolsista até 30 dias após o encerramento da vigência. A instituição deverá encaminhar um Relatório Institucional acompanhado dos relatórios individuais de seus bolsistas, em ordem alfabética e com devidos pareceres de APROVADO ou REPROVADO. Bolsistas substituídos seguem o mesmo procedimento mencionado no relatório Técnico Parcial
9.2 Nos Seminários Anuais de Iniciação Científica promovidos pelas Instituições cotistas todos os bolsistas FAPESB apresentarão os resultados da pesquisa através de exposições orais.

10. INFORMAÇÕES ADICIONAIS

10.1 Os candidatos aprovados devem resgatar e guardar uma via original do Termo de Outorga assinado com a FAPESB e se inteirar do teor do mesmo, particularmente das suas obrigações para com a instituição cotista e a FAPESB. Também devem se inteirar das Normas Gerais para Cotas Institucionais IC 2009, disponíveis no portal da FAPESB.
10.2 Esclarecimentos sobre este Edital e informações adicionais sobre o PIBIC/ BAHIANA, poderão ser obtidas na Secretaria do PIBIC/BAHIANA, por telefone 2101.2900 ou pelo e-mail : ebmsp-secretariacp1@fbdc.edu.br

As propostas devem ser protocoladas na Secretaria da EBMSP, Unidade Acadêmica Nazaré, aos cuidados da Sra. Graça Cerqueira ou Fabíola até às 12 horas do dia 16.4.2009

Endereço da Secretaria PIBIC/ BAHIANA – Rua Frei Henrique 08 (Ladeira do Hospital) – Unidade Acadêmica Nazaré Salvador – Bahia. CEP: 40.050-420
ebmsp-secretariacp1@fbdc.edu.br

Parágrafo único: Não serão julgadas as propostas que não tiverem de acordo com os itens deste edital.

Clique aqui e baixe a ficha.

Profª. Drª. Maria Luisa Carvalho Soliani
Coordenadora geral
Fundação Bahiana para o desenvolvimento das Ciências
Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública
 

NOTA:

para facilitar a apresentação da proposta de pesquisa para a bolsa IC FAPESB, solicitamos excluir apenas da via em CD o nome do orientador, do candidato e as referências no texto de dados que possam identificar o projeto.
Entretanto, esses dados poderão ser necessários para o preenchimento do formulário (modelo FAPESB) para gerar o número do protocolo.
Assim, a via impressa exigida (modelo FAPESB) poderá ser entregue completa, incluindo os dados excluídos da cópia em CD.

Campus Brotas

Av. Dom João VI, nº 275, Brotas.
CEP: 40290-000
tel.: (71) 3276 8200
fax.: (71) 3276 8202

Campus Cabula

Rua Silveira Martins, nº 3386, Cabula
CEP: 41150-000
tel.: (71) 3257 8200
fax.: (71) 3257 8230

Coordenadoria Geral

Av. Dom João VI, nº 274, Brotas.
CEP: 40285-001
tel.: (71) 2101 1900
fax.: (71) 3356 1936