Notícias

PROFESSORES DISCUTEM AS DIRETRIZES DA BAHIANA PARA 2009

07/05/2009


PROFESSORES DISCUTEM AS DIRETRIZES DA BAHIANA PARA 2009

No último mês de março, os professores da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública participaram de um encontro que teve o objetivo de refletir as experiências pedagógicas de 2008 e discutir e planejar as atividades para este ano, dentro das diretrizes do Projeto Político Pedagógico Institucional da Escola. Tratou-se do V Fórum Pedagógico da Bahiana que aconteceu na Unidade Acadêmica do Cabula e este ano teve como tema “1952 – 2009 – Bahiana: uma história, muitos autores”.

 
Contemplando o caráter da Bahiana de valorizar a criatividade, a abertura do encontro contou com uma apresentação teatral que representou, de forma lúdica, a visita que o Ministério da Educação – MEC – deverá realizar à Escola, na próxima semana, para uma avaliação institucional. O esquete “COMECTAKI” contou com a autuação da coordenadora de graduação de Fisioterapia, Roseni Ferreira e do Supervisor pedagógico da Unidade Acadêmica de Nazaré, Narciso Paiva.
 
Em seguida, a programação contou com uma apresentação da Profª. Maria Luísa Carvalho Soliani, diretora da Escola. Na ocasião, ela relatou o histórico da Bahiana ao longo dos seus 57 anos. A apresentação destacou as principais inovações adotadas pela Instituição nos últimos dez anos visando o seu desenvolvimento pedagógico e estrutural, com destaque para a inclusão de novos cursos, a criação da Unidade Acadêmica do Cabula, a implantação do Núcleo de Atenção Psicopedagógica (NAPP) e do Serviço de Supervisão Pedagógica – hoje existente nas três Unidades Acadêmicas da Escola. Outro ponto bastante explorado pela diretora da Bahiana foi a configuração de um novo Projeto Político Pedagógico Institucional (PDDI) que ampliou a assistência pedagógica aos estudantes com uma equipe de 14 pedagogos, e que culminou na adoção do Processo Seletivo Formativo.
 
Processo Seletivo Formativo
 
Na ocasião, foi amplamente discutido o novo Processo Seletivo da Bahiana realizado já em 2009.1 para os cursos da Biomedicina, Enfermagem, Fisioterapia, Odontologia, Psicologia e Terapia Ocupacional. Os professores contaram suas experiências com as turmas que passaram pelo novo modelo, que possibilitou uma maior integração entre os estudantes e entre as turmas e os professores, desde o início do semestre letivo.
 
De caráter inovador, a nova avaliação privilegia o senso crítico e a criatividade dos candidatos. Em um primeiro momento vivencial, são realizados trabalhos em grupos, com simulações de situações que reflitam o cotidiano do profissional da área de saúde. Nesta etapa, não é cobrado conhecimento técnico, mas sim as habilidades potenciais requeridas para a sua formação profissional, se constituindo em uma avaliação qualitativa, de caráter formativo, não lhe sendo atribuído conceito ou nota. No segundo momento, é aplicada uma prova de formação geral. Nela, ao invés de serem avaliados os conhecimentos específicos separadamente, serão propostas questões de conhecimentos gerais de forma integrada, privilegiando o senso crítico e a capacitada de aplicar o conhecimento adquirido nos ensinos fundamental e médio.
 
Programação
 
Após a apresentação, os professores foram divididos em grupos multidisciplinares, quando tiveram a oportunidade de socializar experiências pedagógicas inovadoras experimentadas durante o ano letivo de 2008. Os grupos foram compostos por professores dos cursos e pedagogos que integram o quadro da Bahiana. Com o desenvolvimento da atividade, os professores puderam aprender uns com os outros, por meio de relatos das experiências vividas. Esta proposta de trabalho em conjunto, reflete o conceito de multidisciplinaridade do PDDI.
  
De maneira a valorizar o bem-estar e o bom convívio entre seus colaboradores, é ação constante na Bahiana a promoção de momentos de confraternização de maneira a reconhecer a contribuição na consolidação do trabalho para o sucesso da instituição. Desta forma, V Fórum Pedagógico foi finalizado com o lançamento do Memorial da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública, seguido de um almoço de confraternização, na área verde da Unidade Acadêmica do Cabula.
 
Confira as fotos no mural de Eventos do site!
 
 

Campus Brotas

Av. Dom João VI, nº 275, Brotas.
CEP: 40290-000
tel.: (71) 3276 8200
fax.: (71) 3276 8202

Campus Cabula

Rua Silveira Martins, nº 3386, Cabula
CEP: 41150-000
tel.: (71) 3257 8200
fax.: (71) 3257 8230

Coordenadoria Geral

Av. Dom João VI, nº 274, Brotas.
CEP: 40285-001
tel.: (71) 2101 1900
fax.: (71) 3356 1936