Mestrado Profissional em Tecnologias em Saúde

Mestrado Profissional em Tecnologias em Saúde


Apresentação

O Mestrado Profissional em Tecnologias em Saúde tem como objetivo formar profissionais, em nível de mestrado com sólida formação técnico-científica e capacidade de atuação interdisciplinar em diversos campos da pesquisa, desenvolvimento e inovação em tecnologia na área de saúde humana.

O curso tem conceito CAPES - 03 (três) e é homologado pelo CNE (Port. MEC 609, DOU 18/03/2019, Seção 1, p.63 e 144).

Clique aqui e confira o regimento do programa.



Objetivo

  • Formar profissionais, em nível de mestrado, com sólida formação técnico-científica e capacidade de atuação interdisciplinar em diversos campos da pesquisa, desenvolvimento e inovação em tecnologia na área de saúde humana.
  • Avaliar, desenvolver e aprimorar clínica e laboratorialmente processos, produtos e serviços tecnológicos de saúde que tenham utilidade como substitutos ou auxiliares na reparação de disfunções orgânicas dos sistemas e tecidos humanos.
  • Gerar e disponibilizar o conhecimento científico e tecnológico acessível a diversos profissionais de diferentes áreas, propiciando a obtenção de processos, protocolos, metodologias, práticas, recursos, produtos e serviços, visando à melhoria da qualidade de vida da população usuária de tecnologias em saúde.
  • Contribuir para a geração de novos conhecimentos e tecnologias necessárias ao desenvolvimento regional e nacional, com o olhar multiprofissional e interdisciplinar.
  • Fomentar colaboração interdisciplinar e interinstitucional.
  • Ampliar o intercâmbio científico e tecnológico entre profissionais de diferentes áreas envolvidas na produção de tecnologias em saúde.



Público-Alvo

Profissionais graduados na área de saúde e áreas afins.



Áreas de Concentração


Tecnologias em Saúde
O objetivo da área de concentração é o gerenciamento, o desenvolvimento, a aplicação e a avaliação de processos, serviços e produtos tecnológicos em saúde. Essa área pretende testar aplicações clínicas de tecnologias em saúde; desenvolver alternativas para a solução de problemas que causam disfunções orgânicas; estudar as repercussões biológicas, biomecânicas e psicológicas nas tecnologias aplicadas à saúde; promover aprimoramento e validação de metodologias e instrumentos avaliativos e terapêuticos para as tecnologias em saúde, assim como estimular a inovação na área de tecnologias em saúde.



Linhas de pesquisa

  • Linha 1: Desenvolvimento de Tecnologias em Saúde
    Área: Tecnologias em Saúde
    Essa linha tem por objetivo estudar o desenvolvimento e o aprimoramento de produtos, processos e tecnologias em saúde. Visa à criação e aplicação de testes de novos modelos de avaliação clínica e experimental, tais como estudos sobre testes diagnósticos e/ou validação de instrumentos para diagnóstico e tratamento, para processos, produtos e serviços.

  • Linha 2: Avaliação de Tecnologias em Saúde
    Área: Tecnologias em Saúde
    Essa linha tem o objetivo de testar o desempenho de processos, serviços e produtos tecnológicos na área de saúde e avaliar repercussões clínicas e sociais do seu uso.